Adolescente quase fica cega após usar tinta para sobrancelhas

A adolescente corre o risto de morrer caso tenha contato novamente com essa substância

A adolescente corre o risto de morrer caso tenha contato novamente com essa substância

A adolescente Tylah Durie, de 16 anos, enfrentou uma situação assustadora: após colorir as sobrancelhas, ela sofreu uma reação alérgica que a quase deixou cega. Ela sentiu uma coceira e queimação 30 minutos após aplicar a “1000 Hour Eyelash and Brow Dye”, produto que pode ser encontrado até no site online Amazon.

“Eu acordei quase cega por causa da reação alérgica, meus olhos tinham inchado como grandes balões, eu estava chorando e gritando. Eles estavam praticamente colados, eu só conseguia enxergar um pouco e eu estava lacrimejando pus“, contou a jovem ao The Daily Mail. Para piorar o desespero da adolescente, Tylah não sabia que ela tinha uma alergia letal a um dos químicos do produto, chamado p-Fenilenodiamina — a jovem também não fez o teste recomendado numa pequena parte da pele antes de aplicar a coloração.

De acordo com o médico Adriano Loyla, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Regional Goiás (SBD-GO), casos de pessoas com alergias a cosmétocos são muito comuns, principalmente reações a tinturas para o cabelo, esmaltes e maquiagens que contam com a p-Fenilenodiamina em sua fúrmula. “É uma substância que está sempre ligada a graves reações alergicas”, afirma Loyola.

Após o susto, Tylah Durie agora lida com queimaduras químicas ao redor dos olhos. “Eu fiquei hospitalizada e foi assustador, médicos disseram que eu tenho uma alergia incomum, mas severa, que poderia ter me deixado cega permanentemente. Eu passei por dores excruciantes apenas por pintar as minhas sobrancelhas e cílios. Eu nunca mais vou usar tinta“, desabafou.

Segundo Loyola, a adolescente corre o risto de morrer caso tenha contato novamente com essa substância, uma vez que ela teve uma reação extremamente grave, e diz que essa substância também é encontrada em algumas produtos como borracha, látex. “Caso essa garota precise se submeter a um procedimento cirurgico ela tem que ser avisada que o médico não pode nem utilizar uma luva de látex pra enconstar nela. É algo de muita gravidade”, alerta Loyola.

Consultado, o dermatologista orienta que sejam feitos testes de contato antes de aplicar qualquer cosmético na pele. “Faça o teste com a substância em uma pequena área da pele colocando a subtância cosmética para ver se tem alguma reação alérgica”, indica Loyola.

Ao The Daily Mail, um representante da empresa responsável pela “1000 Hour Eyelash and Brow Dye” disse que o p-Fenilenodiamina é um ingrediente comum em tinturas de muitos tipos: “É de conhecimento geral que algumas pessoas podem ser sensíveis ao composto e podem achar o produto não compatível com a sua pele. O mesmo pode ser dito sobre qualquer outro produto cosmético com agentes colorantes“, explicou. “Por esse motivo, todos os produtos para coloração contém instruções bastantes simples e claras, para que o consumidor possa fazer um teste antes de usá-lo numa região sensível. Nós recomendamos que a pessoas façam um teste de sensibilidade 48 horas antes de aplicarem o produto“, explicou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s