Trevo do Brasil, Aparecida de Goiânia tem fila de empresas querendo se instalar na cidade

Com uma fila de dezenas de empresas aguardando para se instalarem em seu território, o maior município limítrofe de Goiânia e o segundo maior de Goiás alavanca sua vocação comercial tendo principal atrativo sua localização geográfica.A Expo Aparecida, feira da indústria, comércio e logística, começa hoje para mostrar a pujança da economia da cidade

Nos últimos anos Aparecida de Goiânia tem atraído centenas de grandes empresas ao explorar, muito bem, uma de suas melhores qualidades: a privilegiada localização geográfica. Inserido na Região Metropolitana de Goiânia, a 210 quilômetros de Brasília e tendo como principal acesso a BR-153,  quarta maior rodovia brasileira , esta posição no mapa brasileiro faz do município um pólo dinâmico e importante para a transformação de matérias-primas e distribuição de produtos aos grandes centros consumidores do País.

A cidade concentra hoje mais de 2,2 mil indústrias e um total de 34 mil empresas, que geram cerca 31 mil empregos.  Segundo dados da Associação Comercial e Industrial de Aparecida de Goiânia (Aciag), existem 88 indústrias cadastradas aguardando vagas em um dos cinco polos já instalados ou em outros dois ques estão em construção.

“Aparecida é hoje o trevo do Brasil”, afirma o presidente da Aciag, Osvaldo Zilli, ao ressaltar que a cidade está  s ituada no centro do País, a dois mil quilômetros do Pará, ao norte; ao sul, a dois mil quilômetros de Porto Alegre; a 1,5 mil quilômetros da Bahia e da Rondônia.

Esta localização tem atraído as empresas, confirma o secretário de Desenvolvimento Econômico da cidade, Ozair José. “Temos dezenas de empresas cadastradas, aguardando a conclusão de mais um pólo industrial para se instalarem na cidade”. Para ele, mostrar ao Brasil e ao mundo essa e outras potencialidades da cidade, que já tem sua vocação industrial e logística consolidada, é um dos principais objetivos da Expo Aparecida, feira de negócios que será realizada entre os 21 a 23 de junho no All Park Polo Empresarial. “É uma iniciativa que fomenta os negócios, gera empregos, desenvolve a cidade, ou seja, a feira mostra essas potencialidades da Cidade para o país e o mundo”, argumenta o secretário.

No evento, que tem entrada gratuita, diversas empresas estarão expondo. Entre os destaques da Expo Aparecida, estão lançamentos de produtos e serviços voltados para as empresas de logística, novos modelos de caminhões, solução de monitoramento e rastreamento de veículos, linha elétrica para caminhões e carretas, carrocerias frigoríficas, pneus e consórcios. Terá haverá estandes de indústrias de geração de energia através de placa solar, de iluminação LED, de transformação de resíduos da produção pecuária em ração animal, indústria de produtos de higiene e limpeza,  e gráfica. Novidades também para o setor de saúde, expositores da área de segurança e medicina do trabalho e indústria de mobiliário hospitalar também estarão presentes.

Localização

Osvaldo Zilli observa que a cidade fez do limão a limonada. “Seus vazios urbanos que eram um grande problema foram aproveitados pelas indústrias e empresas, que para cá estão vindo se instalar em razão de sua posição geográfica favorável”, diz. Foi essa localização geográfica foi o fator preponderante para que a Somafertil DAF,  uma das marcas líder no mercado europeu de caminhões, instalasse há três anos uma unidade de venda do grupo em Aparecida de Goiânia.

“Num raio de mil quilômetros Aparecida está perto das principais capitais brasileiras e sem falar que a cidade está hoje situada numa rota muito importante desse segmento de caminhões pesados. Isso sob o ponto de vista de estratégia comercial isso é muito importante para o nosso negócio”, afirma Danilo C. Ferreira, gerente geral da unidade comercial da Somafertil DAF em Aparecida de Goiânia.

Ele destaca ainda que a cidade, por sua excelente localização, já possui um enorme potencial logístico, mas que deve melhorar ainda mais. “Aparecida de Goiânia tem investido muito nisso e projetos importantes estão previstos para os próximos anos, como um aeroporto de carga e complexo logístico industrial e alfandegário”, destaca.

Economia em ascensão

Para se ter uma ideia do poder de atratividade de Aparecida, a cidade registrou em menos de dez aos, entre 2008 e 2013, segundo levantamento da Federação da Indústria do Estado de Goiás (Fieg), um crescimento de quase 80% no número de estabelecimentos industriais. Hoje a cidade ocupa o terceiro lugar no ranking dos municípios mais industrializados, perdendo só para Goiânia e Anapólis. O desenvolvimento industrial e logístico fomenta também o setor de serviços que, segundo o Instituto Mauro Borges, é o segundo maior de Goiás, correspondendo a 8% de todo Estado.

Osvaldo Zilli lembra ainda que, enquanto o País registrou nos últimos anos quedas de -1 ou -2% em seu crescimento, Aparecida de Goiânia foi na contramão da crise obtendo crescimento positivo beirando aos 8% ao ano. “Em nove anos, a cidade saiu de cerca de três mil CNPJs para 34 mil CNPJs, um crescimento assustador. E felizmente a cidade continua investindo. Por isso avalio de uma forma muito positiva essa atitude do poder público em Aparecida, especialmente de seus últimos gestores, que deu a mão aos empresários e atraiu uma enorme quantidade de investimentos, que elevou o município a um outro patamar econômico e social”, frisa.

Espaço para empresas

Aparecida de Goiânia, que já possui cinco polos industriais totalmente instalados e que abrigam mais de 480 empresas, ocupa o terceiro lugar no ranking dos municípios goianos industrializados. Mas mesmo tendo essa vocação para indústria consolidada , a cidade, segundo seu o secretário de Desenvolvimento Econômico, continua se preparando para receber mais e melhor as empresas. “Além desses polos industriais já instalados, dos quais três são do município e um do Estado, temos outros dois da iniciativa privada que estão em construção. No segundo semestre deste ano lançaremos as obras do Complexo Industrial Metropolitano (CIM), que será construído pela Codego [Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás] numa parceria entre o Governo do Estado e prefeitura de Aparecida”, relata Ozair José, secretário de Desenvolvimento Econômico da  cidade.  Segundo o secretário, quando implantando, o CIM terá capacidade para abrigar cerca de 200 indústrias.

Por meio de uma parceria público-privada (PPP), outra importante estrutura logística-industrial deve começar a ser implantada na cidade ainda no final deste ano. O Aparecida Business Log – ABL – será construído na região leste da cidade, e será voltado para os setores do agronegócio, comercial, atacado e logística.

O Aparecida Business Log será composto por quatro estruturas integradas: Polo de Distribuição e Comércio Atacadista; Polo de Distribuição Hortifrutigranjeiro; Setor Supermercadista; e o principal deles, o Complexo Logístico Industrial Alfandegário (Clia). O Clia será a primeira Plataforma Logística Multimodal no Brasil irá fortalecer as relações de exportação e importação de produtos do município e em seus arredores. Já o Polo de Distribuição Hortifrutigranjeiro visa atender à gigantesca demanda por espaço e ampliação do volume de negócios neste segmento, enquanto que o Polo de Distribuição de Comércio Atacadista nasce para sanar de vez todas as necessidades dos atacadistas, inclusive, melhorando a logística com o mercado hortifrutigranjeiro.

O secretário Ozair informa também que já existem projetos do município para implantação de um polo industrial específico para a confecção no setor Papillon Park e um pólo para pequenas e média empresas a ser implantado na Região do Garavelo.

Infraestrutura

O secretário explica que a cidade, no que diz a respeito a infraestrutura urbana, também se aprimora ainda mais para receber novas empresas e gerar mais empregos para a cidade.

Entre 2009 e 2015, a Prefeitura de Aparecida de Goiânia investiu aproximadamente R$ 717,8 milhões em infraestrutura, saúde e educação. Do total, 61,1% dos recursos são oriundos do Tesouro Municipal, cerca de R$ 438,9 milhões.

No final do ano passado a cidade inaugurou uma de suas maiores obras viárias, o Eixo Norte Sul 1 construído paralelo à BR-153 e que liga a região Leste ao Centro do município e ao limite com Goiânia . A avenida possui 13,5 quilômetros de extensão com pista dupla, ciclovia e ciclofaixa. “Essa obra, junto com os eixos Norte Sul 2 e Norte Sul 3, trouxe uma enorme mobilidade urbana para a cidade. Temos também o projeto de desvio da BR 153, que está avançando, com a prefeitura inclusive buscando apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social para obra. Seria uma extensão da rodovia que começaria em Hidrolândia, passaria por Aparecida de Goiânia e Senador Canedo, e se estenderia até o posto da Polícia Federal, em Anápolis (42 quilômetros de extensão, ao todo)”, conta o secretário de Desenvolvimento Econômico.

Aproveitando essa posição geográfica estratégica que Aparecida tem, no coração do Brasil, até 2020 a cidade terá em funcionamento seu primeiro aeroporto, voltado para carga de mercadorias e para voos de pequenas aeronaves, como jatos executivos. Só as obras do aeródromo, que devem começar no final deste ano, irão gerar 2.500 empregos diretos.

Qualificação

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados divulgados no mês passado mostraram que Goiás foi o segundo estado que mais gerou empregos no  primeiro quadrimestre deste ano, com 198.828 admissões contra 173.407 demissões, gerando um saldo positivo de  25.421 vagas. Aparecida de Goiânia foi destaque. Na cidade, os empregos atingiram a marca de 14.682 admissões no período, de acordo com dados do Caged do Ministério do Trabalho, e a cidade é a primeira, depois da capital, que  mais gera empregos.

Esse desempenho vem sendo um desdobramento do desenvolvimento comercial da cidade na última década. No período de dez anos (entre 2005 e 2015), a cidade gerou 37,1 mil vagas de emprego, um crescimento de mais de 60%. Levando em consideração o setor industrial, no mesmo período o número de postos de trabalho saltou de 15,2 mil para 29,7 mil, ou seja, praticamente o dobro.

Para preparar a população para usufruir dessas oportunidades, parcerias foram desenvolvidas com instituições como Sesi, Senai e Senac, fazendo com que Aparecida recebesse importantes centros de formação de ensino técnico e superior nos últimos cinco anos. Em agosto de 2014 Universidade Federal de Goiás (UFG) começou oficialmente suas atividades na cidade oferecendo o curso de curso de Engenharia de Produção, hoje o campus também oferece as graduações em Engenharia de Transportes e Geologia. Neste mesmo ano a cidade recebeu sua primeira faculdade de medicina.

Neste ano de 2017 a cidade recebeu a primeiro unidade do Instituto de Tecnologia de Goiás (Itego) que já oferecer curso técnicos e superiores nas áreas de dança, gestão de negócios, programação de jogos e confecção. O instituto integra o parque tecnológico do Estado, o Inova Aparecia (Inov@parecida), que está em implantação em Aparecida de Goiânia, às margens do Anel Viário.

Ainda neste ano, a primeira turma de Engenharia Civil do Instituto Federal Goiano (IFG) de Aparecida de Goiânia se formou no único curso de engenharia a ser oferecido no período noturno em uma instituição pública de ensino em Goiás.

Serviço:  Expo Aparecida 2017
Quando: de 21 a 23 de junho
Horário: das 14h às 20h (durante todos os dias do evento)
Onde: Condomínio Empresarial All Park – Avenida Tanner de Melo, Bairro All Park Polo Empresarial – Aparecida de Goiânia
Como chegar: Siga pela BR153, sentido São Paulo, passa pela passarela vermelha de Aparecida e por um viaduto. Após o viaduto entrar à direita pegando a rua Alameda Pio XII. Virar à direita na rua Alameda 21 de Abril. Mais à frente, na Avenida Imperial, virar novamente à direita e seguir até o final da rua. Na rua Tanner de Melo vire à esquerda e verá o condomínio.
Entrada: Gratuita

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s