[Coluna de quadrinhos] Editora Lorentz nasceu para publicar Dylan Dog

Edição número #2 já está disponível

Depois de 11 anos, o personagem Dylan Dog voltou a ser publicado no Brasil. Desta vez, pela editora Lorentz, que nasceu com este intuito. O título teve uma publicação no primeiro semestre e uma sequência neste mês, para a alegria dos fãs.

O editor assistente da editora, Adriano Lorentz, filho da presidente da empresa, Maria Gelci Lorentz, conversou conosco sobre o personagem, a história da empresa e mais. Confira a seguir.

Entrevista

Caneta e Café – A editora Lorentz foi fundada para trazer Dylan Dog de volta ao Brasil. Hoje, já na segunda edição, como avalia esta empreitada?

Adriano Lorentz – Estamos contentes pelo apoio que muitos leitores tem dado a nossa iniciativa. Muitos entenderam que somos leitores também e que cansamos de esperar que uma grande editora voltasse a publicar Dylan Dog no Brasil.

Temos problemas na distribuição, devido a pequena tiragem, mas as vendas pela internet estão ajudando.

Caneta e Café – E por que a decisão de criar esta editora? Nos conte a história da editora?

Página de Dylan Dog

Adriano Lorentz – Temos um antigo projeto de médio prazo de uma HQ com histórias nacionais (Kristen Dark) de terror, mas como ano passado Dylan completou 30 anos de publicação na Itália, convenci os parentes a abrir uma editora para publicar Dylan Dog, pois por mais de dez anos ele ficou de fora das bancas Brasileiras, e nenhuma grande editora manifestava interesse em publicá-lo novamente. Sendo um personagem de uma qualidade ímpar, é frustrante o que acontece com ele no Brasil. Sou super fã e gostaria de dar esse presente a ele pelos 30 anos… E aos outros fãs também…

Caneta e Café – Dylan Dog #2 saiu este mês. Sinal de que a primeira foi um sucesso. Como tem sido o feedback dos leitores?

Adriano Lorentz – É cedo falar em sucesso, mas estamos tendo um retorno muito positivo. Fizemos uma edição de colecionador para colecionador, caprichamos no formato original 15,6 x 21 cm e no papel de melhor qualidade. Isso fez com que atraíssemos os antigos leitores e novos, sendo que vários disseram que nossa edição é a melhor edição nacional de Dylan Dog.

Caneta e Café – Já estão com planos para a edição #3?

Adriano Lorentz – Na #3 está prevista a história Mater morbi, premiada internacionalmente e uma das mais aclamadas tramas de Dylan dog dos últimos anos.

Caneta e Café – Quais outros títulos podemos esperar da Lorentz? Teremos títulos nacionais também?

Personagem voltou ao Brasil depois de 11 anos

Adriano Lorentz – Gostaríamos de publicar muitos outros personagens, mas dependemos das vendas de Dylan. Se vender bem e pagar ao menos os custos de produção podemos continuar após o número 3. Então poderemos pensar em outros personagens. Certo apenas a HQ nacional de terror Kristen Dark, mas gostamos de muitos materiais estrangeiros como Martin Mystere e Dampyr (estes têm editoras interessadas) e outros há muitos sumidos como Diabolik e Nathan Never.

Caneta e Café – Vocês poderiam ter escolhido qualquer HQ para começar, mas optaram pelo Dylan Dog. Por que?

Adriano Lorentz – Dylan Dog é o melhor quadrinho de terror estrangeiro com histórias inéditas que não era mais publicado no Brasil. Por isso e por ser fã dele e de HQs de terror fizemos a opção.

Caneta e Café – Algo mais a acrescentar?

Adriano Lorentz – Obrigado pelo espaço. Quem gosta de HQs de terror, suspense e aventura corra atrás de Dylan Dog, dê uma chance. Não conseguiu em sua cidade contate-nos pelo e-mail editoralorentz@hotmail.com ou Facebook. A maioria dos leitores Marvel e DC que curtem historias de terror e que leram elogiaram.

 

Francisco Costa é jornalista, especialista em marketing e comunicação digital e fã de quadrinhos – jor.francisco.costa@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s