Edifício mais alto de Goiás recebe bandeira nacional no Dia do Médico

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Órion Business & Health Complex, prédio mais alto do País País com obras concluídas com 191,48 metros de altura e 50 andares, passou a ostentar a bandeira do Brasil, que poderá ser vista a mais de 10 quilômetros de distância, de diferentes pontos da cidade como o Aeroporto de Goiânia, o Morro do Além, o campus Samambaia da UFG e o Jardim Goiás. A bandeira, que terá 5,85m altura por 8,35m largura, ficará no topo do arranha-céu.

A cerimônia de hasteamento aconteceu na quarta, 18 de outubro, no topo do empreendimento que fica à Avenida Portugal, no Setor Marista.O prefeito de Goiânia, Iris Rezende, o presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Adriano Azeredo, o presidente da Associação Médica de Goiás (AMG), o médico ortopedista José Umberto Vaz de Siqueira foram algumas das autoridades presentes.

“A bandeira nacional é símbolo de patriotismo, de ética e queremos que ele seja símbolo também do empreendedorismo”, disse o diretor da Tropical Urbanismo, Paulo Roberto da Costa, integrante do grupo empreendedor. Intencionalmente, o evento foi marcado no dia 18 de outubro, Dia do Médico, porque Órion Business & Health Complex abrigará um pólo médico de alta complexidade com hospital, consultórios e clínicas, hotel e um shopping. No complexo também funcionarão as novas sedes da Associação Médica de Goiás (AMG), o Museu Médico e a Corte de Conciliação Médica.

Na sequência, o Corpo de Bombeiros Militar de Goiás (CBM-GO) utilizou as instalações do edifício para fazer uma operação simulada de incêndio, resgate e salvamento com aproximadamente 100 bombeiros, que praticaram rapel, uso do helicóptero e uso de fumaça artificial. O comandante geral da corporação, Dewislon Mateus, explicou que foi uma oportunidade da equipe treinar em grandes alturas, além de também estar em contato com o que há de mais moderno em dispositivos de segurança na edificação.

“Hoje, a ênfase em segurança é a prevenção”, acentuou o comandante. Durante toda a obra, o CBMGO orientou e acompanhou a implantação do sistema antiincêndio do Órion Business & Health Complex, que conta com 2.700 detectores de fumaça, 125 mil metros quadrados de sprinklers (componente que descarrega água quando é detectado um incêndio), sistema de manejo e várias rotas de fuga. “O Órion é um edifício que adota todas as medidas necessárias de combate a incêndio. Está no nível dos melhores prédios do Brasil”, destacou o comandante.

O sócio incorporador e gestor da obra, Frank Guimarães Vaz de Campos, explica que o Órion é um dos poucos edifícios no país que conta com a compartimentação vertical de instalações para prevenção de incêndio, que são anéis acoplados aos pés dos tubos e que, quando submetidos ao fogo, se expandem e fecham completamente a passagem de fogo e fumaça de um pavimento para o outro. “Os elevadores também são pressurizados e preparados para resgate”, informa.

As obras estão sendo executadas pelo consórcio formado das empresas GVC Engenharia, FR Incorporadora, Joule Engenharia e Tropical Urbanismo. O empreendimento possui 124.700 m2 de área construída e segue a tendência mixed use (empreendimentos de uso misto) por reunir diversos serviços em um único lugar. O que traz ao paciente a praticidade de se consultar, fazer exames de alta complexidade e, quando necessário, ter acesso à internação e procedimentos cirúrgicos sem necessidade de se deslocar pela cidade.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s