Proteção veicular é alternativa econômica ao seguro tradicional

Estimativa é que cerca de 3 milhões de automóveis sejam protegidos por essa modalidade em todo o país

Em 2018, foram registradas 18.309 ocorrências relacionadas a furtos e roubos de veículos, em Goiás e para se proteger contra esse tipo de crime, o cidadão tem recorrido a alternativas para reparar os prejuízos. A proteção veicular tem se tornado cada vez mais comum e competitiva frente aos seguros tradicionais. Segundo dados da Agência de Autorregulamentação das Associações de Proteção Veicular e Patrimonial (AAAPV), o Brasil já tem hoje cerca de 2.500 entidades mutualistas que protegem em torno de 3 milhões de automóveis, e a tendência é que esse mercado aumente ainda mais a sua abrangência, visto os números de furtos e roubos de veículos em todo o país.

Entretanto, as diferenças entre a proteção veicular e o seguro tradicional ainda não são claras para muitas pessoas. O diretor da Auto Gyn Proteção Veicular, Marcos Pio, explica que as diferenças são inúmeras, desde a parte burocrática para adesão até o pagamento final. “As principais diferenças estão em sua estrutura. A seguradora normalmente é vinculada a um banco, que é o fiador da seguradora. Já a proteção veicular pode ser em forma de associação ou cooperativa, em que um grupo de indivíduos divide os prejuízos e benefícios entre si”, ressalta.

O empresário explica ainda que uma diferença fundamental entre a proteção veicular e o seguro tradicional é na análise que determina o valor da apólice. “Enquanto a seguradora analisa tanto o perfil do veículo quanto o do condutor, levando em conta fatores como idade, histórico de trânsito e local de residência, a proteção veicular trabalha com valores tabelados com base apenas na análise de valor do veículo, comumente estabelecido pela tabela Fipe”, afirma Marcos Pio.

Por esse motivo, a proteção veicular possui diversas vantagens, como a burocracia facilitada e o valor acessível a quem deseja se tornar um membro. O processo é simples e rápido, durando de 20 a 40 minutos, já que a análise é simples, sem consulta a serviços de proteção ao crédito ou perfil do condutor. Somente o veículo é analisado, assim, o condutor é livre, ou seja, qualquer pessoa habilitada pode dirigir o veículo que estará protegido. “A cobertura vale para todo o território nacional e possui todas as proteções convencionais, além de benefícios personalizados. Como somente o veículo é avaliado, os valores também são mais acessíveis com formas de pagamento facilitadas”, explica o diretor da Auto Gyn.

A contratação é simples. São necessários apenas documentos pessoais, CNH e comprovante de residência, documento do veículo, e-mail e dois telefones para contato. Os preços são estabelecidos de acordo com o valor do veiculo na tabela Fipe. Após o preenchimento do contrato e pagamento do valor da adesão, o associado já estará protegido. “Por essas facilidades, a proteção veicular atende todos os tipos de perfis, mas a maior demanda do público jovem, entre 18 a 40 anos, por ser mais aberto a novos formatos de organizações e também porque normalmente os valores das associações são mais acessíveis do que nas seguradoras tradicionais”, ressalta Marcos.

O diretor da Auto Gyn Proteção Veicular, Marcos Pio

Segurança
“Para se escolher uma empresa de proteção veicular, no entanto, é preciso cautela. Como em qualquer contratação, o cliente deve considerar alguns fatores importantes como o cumprimento dos requisitos legais, tempo de mercado, estrutura para atender à demanda e índices de reclamação”, explica o empresário. Devem ser observados também os benefícios oferecidos para que as necessidades sejam atendidas por completo e não haja decepções futuramente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s