Covid-19: lesões na pele atingem cerca de 20% dos pacientes com a doença

Segundo um estudo da AEDV com 375 pessoas apresentaram alguma alteração na pele no mesmo período em que receberam o diagnóstico. Dermatologista explica os sintomas e um deles são erupções cutâneas nos dedos das mãos e dos pés dos pacientes com a doença

Este slideshow necessita de JavaScript.

Além dos sintomas gripais, é necessário ficar atento a outros pontos quando o assunto é a covid-19. Dermatologistas alertam para as alterações clínicas da doença, podendo acometer vários órgãos do corpo, incluindo a pele.

De acordo com a dermatologista Juliana Araújo, além de piorar quadros como acne, dermatite e seborreia, por exemplo, a covid-19 tem provocado outras alterações na pele. “Essas lesões atingem cerca de 20% dos pacientes com a doença”, alerta.

Uma delas passou a ser chamada de “dedos de Covid-19”, que se caracteriza por uma erupção cutânea nos dedos das mãos e dos pés dos pacientes. “Deixa os dedos avermelhados, provoca coceira. Pode resultar em mudança de cor das extremidades, variando de vermelho, roxo e até necrose, dependendo da fase da doença”, alerta a médica.

Segundo um estudo realizado por pesquisadores da Unidade de Pesquisa da Academia Espanhola de Dermatologia e Doenças Venéreas (AEDV) com 375 pessoas que apresentaram alguma alteração na pele no mesmo período em que receberam o diagnóstico da infecção, as lesões nos dedos das mãos e dos pés são mais comuns em pessoas jovens, após alguns dias do início dos sintomas respiratórios da doença.

Os pacientes com covid-19 também podem desenvolver pequenas “bolhinhas”, que lembram a catapora . Há registro do surgimento de placas vermelhas que coçam pelo corpo. “Vale lembrar que há manchas que podem ser parecidas com as que vemos em pacientes com dengue, zika e chikungunya, por exemplo. Em razão das mudanças constantes, precisamos ficar atentos a todos os sinais e redobrar os cuidados com a nova doença”, finaliza Juliana Araújo, reforçando a importância da higienização das mãos e do uso de máscaras.

A dermatologista Juliana Araújo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s