Cantor goiano vira às 4 cadeiras no The Voice Brasil 2020

Manso conquistou todos os jurados em sua apresentação na 9ª edição do programa. Os donos das poltronas este ano são Carlinhos Brown, IZA, Lulu Santos e Michel Teló

O cantor goiano Manso foi classificado na 1ª fase da competição da 9ª temporada do The Voice Brasil. O programa estreou no dia 15 de outubro, na tela da TV Globo. Manso teve sua participação transmitida nesta terça-feira, dia 27 de outubro, ele cantou a música Gravity, de John Mayer e teve o privilégio de ver os quatro jurados virarem as cadeiras.

Na edição de 2020 fica com a missão de virar as cadeiras, selecionar as novas vozes e dividir com os participantes a emoção da competição: Carlinhos Brown, IZA, Lulu Santos e Michel Teló. Uma edição inédita, repleta de grandes talentos, sonhos e oportunidades de transformação. Entre as novidades anunciadas estão o novo formato multiplataforma, uma plateia virtual e as famílias de ‘camarote’. 

Manso ouviu cada jurado com muita atenção, mas quem conquistou seu coração foi Michel Teló. Teló falou que Gravity é a música favorita dele, imagine a satisfação de Manso em ter interpretado essa canção. A próxima etapa é disputar a fase das “batalhas”, na qual cada time (Iza, Brown, Lulu e Teló) vão totalizar 16 participantes formando  8 duelos de cada time.

Mais sobre Manso
Fernando Manso, mais conhecido como Manso, sobrenome adotado como nome artístico desde o início da carreira, é um cantor, músico e compositor goiano que, após conquistar os palcos de teatros e festivais regionais, ganha cada vez mais espaço no cenário da música nacional. Com 11 anos de carreira, o cantor dedica seu talento nos gêneros pop, indie e folk para mostrar que Goiás tem muito talento a oferecer. Além do trabalho autoral, Manso é um dos músicos/cantores mais disputados na Capital em eventos sociais e casamentos.

Sua carreira na música de forma profissional começou em 2009, quando foi convidado pelo produtor cultural Carlos Brandão para retomar o projeto Segunda Aberta, que abria espaço para músicos se apresentarem no Teatro Goiânia Ouro e estava parado desde a década de 80.

No ano seguinte, a carreira do cantor teve uma nova guinada, quando fazia parte de sua primeira banda chamada Hazzi, teve a oportunidade de conhecer grandes palcos e se descobrir ainda mais como músico. Quando a banda chegou ao fim em 2012, o compositor já fazia shows com seu projeto solo, se apresentava em diferentes palcos e teatros da capital goiana, como Teatro Goiânia e o Centro de Tecnologia do Espetáculo, além de participar de grandes festivais regionais de música como o Bananada e o Vaca Amarela.

Além de seu canal no Youtube, no qual posta vídeos com músicas autorais e covers de artistas como John Mayer e Tiago Iorc, o músico disponibiliza seu trabalho pelas plataformas digitais Deezer e Spotfy, nos quais composições como Assovio, A Mariposa e o Abajur e Coração Trancado somam milhares de views. No final de 2018, o artista lançou seu novo CD intitulado “Desculpe a Demora”, que já caiu no gosto dos fãs e conta com composições antigas e músicas inéditas do cantor.  

A história do menino que se apaixonou pelo violão que o tio avô tinha em casa, e precisou juntar dinheiro de lanche para comprar seu primeiro instrumento, chega agora ao palco da TV Globo. O menino, que agora é músico e compositor por profissão, representa o cenário alternativo da música goiana e inicia uma nova fase de sua carreira, a fase do reconhecimento em rede nacional.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s