Pedro Scalon lançará novo trabalho

O cantor e compositor goiano prepara o CD, intitulado “A Legenda do Tempo”. Pedro inclusive está com novo perfil no Instagram (@pedro.scalonnetto), após ter sua antiga conta Hackeada

O cantor goiano Pedro Scalon

O cantor e compositor goiano Pedro Scalon, neste período de pandemia, se isolou e dedicou-se na produção do seu novo trabalho que será lançado em breve, intitulado “A Legenda do Tempo”. O novo trabalho terá 12 músicas, dentre elas regravação de Pra Sempre, do CD Nas Margens do Tempo de Pedro, além de músicas inéditas de sua autoria.

 E ainda A Voz da Tela, de Oswaldo Montenegro, Amanhã Colorido, de Duca Leindecker;  Por Quem os Sinos Dobram de Raul Seixas. Participação de Maurício Lavenère, na bateria Paula Bernardes. Produção de Pedro Scalon,  Geovani Maia e  Sandra Esther e muito mais.

Nesse período de reclusão Pedro teve sua conta do Instagram “hackeada”. Ele tentou reaver a página antiga juntamente aos meios cabíveis, mas não foi possível. Agora ele criou um novo perfil (@pedro.scalonnetto) para compartilhar sua arte visceral com seu público.

A ligação com o mundo da música 

Filho da pianista Viviane Vilela, e neto do compositor e músico Henrique Duarte Netto, o goiano Pedro Scalon, sempre teve a música como um dos principais pilares de sua vida e iniciou os estudos musicais ainda aos sete anos de idade. Inicialmente estudou piano em casa, mais tarde passando para o violão e guitarra.

Aos 15, já como músico profissional, formou várias bandas, se apresentando em shoppings, festas, bares e eventos. Sempre influenciado por várias bandas consagradas do rock e pop internacional, com repertório envolvendo além do rock, MPB, blues e jazz, com 16 anos, Pedro começou a estudar canto. E ao longo dos anos foi desenvolvendo vários projetos musicais e tributos a bandas como Beatles, Queen, John Mayer, Gary Moore e Bon Jovi.


O artista também atua como professor de guitarra, violão, piano e canto, tendo trabalhado em escolas renomadas em toda a cidade. Em seu currículo constam vários cursos de formação com professores como Mozart Mello, Edu Ardanuy, André Matos, Lanny Gordin, Michel Lemme, Rafael Bittencurt entre outros.

Em 2013 o músico lançou o disco Nas Margens do Tempo, que teve produção de Wellerson Cássio. O material trouxe nove faixas de sua autoria, incluindo Sete Noites no Deserto, que lhe rendeu o prêmio de melhor compositor no Festival dos Violeiros, em Goiânia, além de duas regravações. Já com o Vídeo Clipe da música “Totens”, também de sua autoria, foi finalista do concurso “Garagem do Faustão”, promovido, em outubro de 2012, pelo programa do Domingão do Faustão, da Rede Globo.

Pedro também é conhecido por se dedicar a tributos a dois artistas épicos, Cássia Eller e Cazuza. Este último lhe rendeu muitos elogios, não só de crítica e público como também os cumprimentos de Lucinha Araújo, mãe de Cazuza, que chegou a publicar, no site oficial do filho, uma matéria falando sobre o trabalho de Pedro e tecendo elogios ao show, além de presenteá-lo com a réplica da bandana que Cazuza usava, tradicionalmente, em seus shows.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s